Aqui, o cabelo foi repartido no meio e foram feitas duas tranças holandesas, uma de cada lado, rente à testa. Perto da orelha, a trança passou a ser uma trança normal, sem incorporação de cabelo. Na nuca, as duas tranças foram unidas por um elástico.

Tutorial de trança holandesa para casamento

Já ouviu falar da trança holandesa? São tantos penteados lindos que você pode fazer com ela que preparamos este tutorial para você aprender. Vem treinar!

Tranças holandesas ficam lindas em cabelos com mechas em tonalidades diferentes!

Tranças holandesas ficam lindas em cabelos com mechas em tonalidades diferentes!

Qual é a trança holandesa mesmo?!

As tranças viraram febre hoje em dia! São tantos tipos de trança que fica até difícil lembram qual é qual. Temos a trança francesa, a holandesa, a trança corda, a trança em cascata, a trança espinha de peixe… Então, vamos recapitular rapidamente! Trança francesa é como chamamos a “trança embutida” com incorporação de cabelo. Ou seja, aquela trança em que as mechas são trançadas para dentro, só que, a cada vez que você trança, você pega mais cabelo para incorporar à próxima trançada. A trança holandesa, que vamos ensinar no tutorial deste artigo, é a francesa invertida. Ou seja, ela não é embutida, ela é trançada para fora, mas também incorporando cabelo. Além de ficar um acabamento mais aparente e romântico, é perfeita para afrouxar as curvinhas (processo chamado de “pancaking”) para ganhar volume e a atenção das pessoas 😉

Pancaking é isso: pegue as curvinhas da trança e vá afrouxando levemente nas pontas à raiz. Ganhe volume para uma trança mais chamativa!

Pancaking é isso: pegue as curvinhas da trança e vá afrouxando levemente nas pontas à raiz. Ganhe volume para uma trança mais chamativa!

Tutorial de trança holandesa para casamento

O passo a passo para a trança holandesa é muito simples, mas requer prática! Depois de aprendido, você pode usar este tutorial para fazer tranças soltas, tiaras de trança, rabos de cavalo trançados, coques trançados e muitas outras ideias de penteado para casamento para fazer sozinha, usando a trança holandesa. Inclusive, após o tutorial, separamos algumas inspirações de penteados para você! Mas, agora, ao que interessa:

  1. Penteie seu cabelo com cuidado para não quebrar os fios e deixá-los sem nós.
  2. Pegue a mecha que você deseja trançar e divida em três. Até aqui, molezinha, né? 😉
  3. A diferença da trança holandesa é que, ao contrário da embutida, ela é trançada para fora. Então, sempre trance a mecha do meio por cima das mechas de fora. Vamos começar? Pegue a mecha do meio e passe-a por cima da mecha da esquerda. Agora, a mecha que estava na esquerda está no meio, certo? Então, vamos continuar.
  4. Pegue esta nova mecha do meio e passe-a por cima da mecha da direita. A antiga mecha da direita vai virar a nova mecha do meio. Você vai sempre trabalhar a mecha do meio, passando por cima das mechas de fora, uma de cada vez.
  5. Agora que você já fez o primeiro “ponto” da trança, vá incorporando mais cabelo: passe a mecha do meio por cima da mecha da esquerda. Agora, pegue mais um pouco de cabelo, por baixo da mecha que você está trançando (para não ficarem divisões aparentes) e incorpore a esta nova mecha da esquerda.
  6. Novamente, pegue a nova mecha do meio e passe por cima da mecha da direita. A da direita ficou no meio e a do meio foi para a direita, certo? Agora, pegue mais cabelo para incorporar à da direita.
  7. Repita o processo, sempre trançando a mecha do meio por cima das laterais, incorporando mais cabelo às mechas laterais, até o final da extensão dos fios.

Com esses 7 passos, você consegue fazer uma variedade enorme de penteados: tiaras ou headbands com trança holandesa, coroa de trança holandesa, coque trançado, rabo de cavalo trançado, tranças soltas para dar charme aos fios, e mais! Vamos ver algumas inspirações de penteados com trança holandesa?

Aqui, o cabelo foi repartido no meio e foram feitas duas tranças holandesas, uma de cada lado, rente à testa. Perto da orelha, a trança passou a ser uma trança normal, sem incorporação de cabelo. Na nuca, as duas tranças foram unidas por um elástico.

Aqui, o cabelo foi repartido no meio e foram feitas duas tranças holandesas, uma de cada lado, rente à testa. Perto da orelha, a trança passou a ser uma trança normal, sem incorporação de cabelo. Na nuca, as duas tranças foram unidas por um elástico.


Você pode combinar mais de uma trança, e inclusive usando mais de um estilo de trança! Aqui, foram feitas duas tiaras de tranças holandesas: duas tranças de cada lado, com apenas alguns "pontos" de trança perto do topo da cabeça, continuando como tranças normais. Na nuca, as tiaras foram fechadas com elástico.

Você pode combinar mais de uma trança, e inclusive usando mais de um estilo de trança! Aqui, foram feitas duas tiaras de tranças holandesas: duas tranças de cada lado, com apenas alguns “pontos” de trança perto do topo da cabeça, continuando como tranças normais. Na nuca, as tiaras foram fechadas com elástico.


Nesta trança holandesa, fica super fácil ver a incorporação dos fios à trança. Depois de contornado o rosto, a coroa não é fechada, virando uma trança simples abaixo do ouvido, até o final da extensão dos fios.

Nesta trança holandesa, fica super fácil ver a incorporação dos fios à trança. Depois de contornado o rosto, a coroa não é fechada, virando uma trança simples abaixo do ouvido, até o final da extensão dos fios.

Dúvidas? Use nossa seção de comentários para interagir com nossa equipe e pedir dicas e mais informações sobre este tutorial de trança holandesa e outros penteados de que você goste. Curta o CasarCasar no Facebook e nos siga no Pinterest para mais ideias, inspirações, dicas e tutoriais!

Imagens cortesia de: Barefootblonde.com, Missy Sue, The Confessions of a HairstylistKathryn McCrary via Style Me Pretty.

< !DOCTYPE html>
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *